Ivete Sangalo é a embaixadora do McDia Feliz 2024

Cantora se une à 36ª edição da campanha, que acontece em 24 de agosto em todo o país

O McDia Feliz, uma das principais campanhas de arrecadação de fundos para causas infantojuvenis do Brasil, anuncia Ivete Sangalo como embaixadora da causa neste ano. Entre as personalidades mais populares e admiradas do Brasil, Veveta usará de sua influência e carisma para convocar os milhares de apoiadores em todo país e arrastar multidões para essa corrente do bem, atuando em prol da saúde e da educação.

Agendado para 24 de agosto, o McDia Feliz 2024 irá para sua 36ª edição, celebrando mais de três décadas de impacto positivo na sociedade. Tradicionalmente, a renda gerada com as vendas de sanduíches Big Mac, exceto alguns impostos, é revertida para causas infantojuvenis, por meio de projetos destinados à saúde e à educação, beneficiados pelo Instituto Ronald McDonald, que atua para promover o aumento das chances de cura do câncer infantojuvenil no Brasil, e para o Instituto Ayrton Senna, que colabora para ampliar oportunidades para jovens por meio da educação pública de qualidade. Esse ano, uma parte da renda obtida com a venda de cada Big Mac vendido (R$ 1 de cada sanduíche) será destinada para contribuir com a recuperação dos sonhos das famílias do Rio Grande do Sul. O valor se somará a um Fundo Aberto criado pela Arcos Dorados e administrado pelo Instituto Ronald McDonald, exclusivamente para gerir ações que contribuem com a recuperação do Rio Grande do Sul.

“O McDia Feliz é uma campanha de solidariedade. E tudo o que envolve solidariedade, empatia e transformação é bem-vindo. Eu estou muito orgulhosa e feliz por fazer parte desse movimento e será, por mais um ano, uma campanha muito vitoriosa”, diz Ivete Sangalo.

Em 2023, o McDia Feliz celebrou um importante marco, tornando-se a maior edição da história da campanha, com arrecadação recorde de R$ 26,6 milhões. Desse total, cerca de R$ 21 milhões foram destinados ao Instituto Ronald McDonald, que beneficiará 78 projetos de 51 instituições que atuam com oncologia pediátrica em 42 cidades brasileiras. Cerca R$ 5,6 milhões tiveram como destino o Instituto Ayrton Senna para proporcionar atendimento a mais de 500 mil estudantes de redes públicas e capacitação de mais de 5 mil educadores por meio de sete projetos educacionais em todo o Brasil.

Tíquetes à venda
O tíquete individual terá o valor de R$ 19,00 e poderá ser trocado por um Big Mac nos restaurantes participantes de todo o Brasil no dia da campanha. Os vouchers digitais e físicos estarão disponíveis até 18 e 21 de agosto, respectivamente, e podem ser adquiridos neste site. Para saber mais, acesse o regulamento da campanha.

Na Paraíba, a Associação Donos do Amanhã, que apoia crianças carentes com câncer de todo o estado que fazem tratamento na Capital, é a entidade beneficiada pelo Instituto Ronald McDonald. Os tíquetes físicos do Big Mac já podem ser adquiridos na sede da Associação (Av. Cap. José Pessoa, n° 1.097, Jaguaribe), ou pelo telefone 83 3242-2710 e os digitais neste site (https://www.mcdiafeliz.org.br/instituicoes/beneficiadas/8956c63c-fa20-11ed-83ab-16f95fa4db0f/colecao).

Sobre o Fundo Aberto
A Arcos Dorados, em conjunto com os seus Franqueados, lançou, em 21 de maio de 2024, um Fundo Aberto para arrecadação de recursos administrado pelo Instituto Ronald McDonald, para contribuir com a recuperação e reconstrução dos sonhos das famílias do Rio Grande do Sul. O Fundo nomeado “Aliança pela Vida” tem como prioridade inicial a implementação de projetos ligados às seguintes frentes:
* Segurança Alimentar: Suporte básico de alimentos para famílias.
* Água Potável: Garantir acesso a água potável nas moradias reestabelecidas
ou novas moradias.
* Saúde: Acesso e navegação de pacientes no SUS, controle de novas doenças e suporte ao reestabelecimento da saúde física e mental.
* Resgate Cidadania: Acesso à direitos, documentos e empoderamento das Famílias.
Para execução dos projetos relacionados ao fundo, o Instituto Ronald McDonald contará com uma equipe de Operações Especiais localizada em Porto Alegre que atuará diretamente na gestão e execução dos projetos junto à comunidade local, garantindo o suporte necessário às famílias. Os projetos serão articulados com outras organizações e esferas governamentais de forma a não haver sobreposição de esforços, potencializando os recursos para o impacto social. Todos os projetos seguirão os mesmos processos de transparência do portifólio já executado pelo Instituto e uma equipe especializada realizará o acompanhamento das prestações de contas. Ainda, todos passarão por auditoria independente. As informações dos resultados e prestações de contas serão publicadas no relatório de atividades da organização, assim como no portal atualmente está em fase de desenvolvimento para o projeto. As atualizações serão periódicas conforme o cronograma de execução dos projetos. As doações para o fundo podem ser realizadas diretamente através do pix: emergencias@instituto-ronald.org.br. Além disso, na edição de 2024 do McDia Feliz, uma parte da renda obtida com a venda do Big Mac (R$ 1 de cada sanduíche) também será destinada para contribuir com a recuperação e reconstrução dos sonhos das famílias do Rio Grande do Sul.

Sobre o McDia Feliz
O McDia Feliz é o principal evento beneficente do McDonald’s e, atualmente, é uma das maiores mobilizações em prol de crianças e adolescentes no Brasil. A campanha faz parte da estratégia de atuação ESG da Arcos Dorados, operadora da rede McDonald’s na América Latina e Caribe, chamada Receita do Futuro, cujo compromisso é ser parte ativa da solução dos desafios da sociedade e impactar positivamente as comunidades onde atua. Realizado no país desde 1988, mais de R$ 400 milhões já foram arrecadados pelo McDia Feliz. Para saber mais, acesse o site.

Sobre a Associação Donos do Amanhã
A Associação Donos do Amanhã é uma instituição sem fins lucrativos que atende cerca de 200 crianças e adolescentes carentes com câncer de todo o estado, oferecendo mensalmente uma cesta alimentícia enriquecida com leite e suplementos. A instituição, que atua há 18 anos, custeia ainda exames de alta complexidade, compra de medicamentos não quimioterápicos (prescritos pelos médicos), aquisição de cadeiras de roda, fraldas descartáveis e alimentação nos dias de tratamento ambulatorial, dando todo o suporte assistencial e aumentando as chances de cura.