Xeque-mate: Juiz nega recurso e julgamento de Roberto Santiago será na Justiça Criminal

Spread the love

O empresário Roberto Santiago, preso no âmbito da Operação Xeque-Mate, será julgado no âmbito da Justiça Criminal. Santiago é suspeito de ter envolvimento no esquema que culminou com a ‘venda’ do mandato do então prefeito de Cabedelo, Luceninha, em2013. É que os advogados de defesa queriam a transferência do julgamento para a Justiça Eleitoral. As informações foram repercutidas no programa Arapuan Verdade, da Rádio Arapuan FM, que é apresentado por Gutenberg Cardoso, Paulo Neto, Luís Tôrres e Clílson Júnior.

Para o juiz Henrique Jorge Jácome, da 1ª Vara de Cabedelo, o processo deve ser mantido onde se encontra. O recurso apresentado pedia que o magistrado reconhecesse a incompetência de julgar os processos em que o empresário responde na justiça.

O juiz não acatou o pedido e disse entender que os fatos relacionados não têm relação com a seara eleitoral. Segundo ele, uma eventual mudança para a Justiça eleitoral representaria uma violação aos princípios constitucionais da moralidade, da legalidade, da probidade, da eficiência, entre outros.


Redação