PF prende duas pessoas e apreende mais de 1,5 tonelada de ‘skunk’ em JP e Cabedelo

Spread the love

Duas pessoas foram presas em flagrante e mais de uma tonelada e meia de entorpecente conhecido como “skunk” (maconha prensada e dotada de maior concentração de substâncias psicoativas) foi apreendida durante a operação . Mar do Atlântico deflagrada na noite desta sexta-feira (14) pela Polícia Federal.

O objetivo da operação foi prender integrantes de uma  organização criminosa especializada no tráfico internacional de entorpecentes. A operação aconteceu nos municípios João Pessoa e Cabedelo. 

Trata-se da maior apreensão de “skunk” da Polícia Federal na Paraíba. A operação teve a participação de 15 policiais federais e da Polícia Militar do Estado da Paraíba.

Os presos e o entorpecente foram encaminhados à Polícia Federal, localizada no Município de Cabedelo.

Os investigados responderão pelo crime de tráfico internacional de drogas, previsto na Lei 11.343/2006, cuja pena pode alcançar até 15 anos de reclusão.